"Uma pessoa vale mais que o mundo" (Santa Maria Eufrásia)

Chamo-as pelo seu nome | Escutar o bater do Coração de Deus


  • galeria
  • galeria
  • galeria

Hoje, dei comigo a pensar em algo muito importante e tudo por causa de um CD de música ambiente que me permitiu viajar por lugares desconhecidos do meu ser. E nesta viagem todo o meu corpo louvava o Deus da minha vida, que criou o céu e a terra e tudo o que neles existe, e criou o homem e a mulher à Sua imagem e semelhança. E nos concedeu os cinco sentidos. Por isso eu era capaz de escutar aquela linda música.

Tomei consciência de que necessitamos de nos reconhecer em muitos aspectos, descobrirmo-nos interiormente. Porém, para ir da periferia ao centro, há que passar pelo corpo. Não há outro caminho. Necessitamos de nos escutar desde a pele para poder sentir o que vivemos. Escutar o sentido da nossa vida. Sim, o nosso corpo é como um instrumento musical que necessita estar afinado, em sintonia com o mundo, com os outros e comigo mesma.

Também não é possível uma escuta espiritual senão através do nosso ser corporal. Que melhor exemplo que o nosso Deus que se fez corpo para ser digerido.

É interessante pensar que a primeira escola de escuta interior foi o bater do coração da nossa mãe. Um coração que marcou o ritmo do nosso crescimento. Por isso o nosso Deus também se fez sangue para alimentar os nossos corações sedentos do afecto maternal. Não é por acaso que tememos o silêncio do coração daqueles a quem amamos…

Cada vez mais as pessoas necessitam ser escutadas. É muito importante acompanhar e caminhar juntos, com paciência e serenidade, como fez Jesus com os discípulos de Emaús. É o silêncio, a escuta e a aceitação que permite ao outro encontrar a razão e o sentido do seu existir.

A escuta supõe empreender um caminho para a liberdade e isso nem sempre é fácil. A escuta impulsiona-nos à confiança ilimitada na Providência de Deus na vida de cada pessoa, supõe abrir um espaço livre onde encontrar-se de verdade consigo mesmo.

Na verdade, só nessa escuta diária, quando temos coragem de prostrar o coração por terra, somos capazes de escutar o bater do coração de Deus e no silêncio das nossas entranhas perguntar-lhe: Senhor, que queres de mim? E aí, só temos duas hipóteses: fazer de conta que somos surdos (as) ou deixar que Deus marque o ritmo da nossa vida para sempre.

 

Rosário Oliveira



05 de Setembro de 2011

0 comentários








enviar »  
  • BEATA MARIA DO DIVINO CORAÇÃO

    [ver mais]

  • 150º aniversário da Beata Maria do Divino Coração

    [ver mais]

  • Beata Maria Droste

    No dia 13 de Fevereiro de 1964,< ...
    [ver mais]

  • Festa de Santa Maria Eufrásia Pelletier

    Este ano, no dia 24 de Abril, vamos celebrar a [ver mais]

pensamento
"A melhor forma de vencer as dificuldades é agradecê-las a Deus". (Beata Maria do Divino Coração)
identidade | a história que se faz | em missão | fotos | notícias | chamo-as pelo seu nome | partilha | links | encontros | contactos
Site com resolução de 1024x768 | Todos os direitos reservados